Assinar Newsletter:
Siga a CBV no Twitter
Imagem Buscar

Principal



CIRCUITO BANCO DO BRASIL: Temporada 2013/2014 é lançada com várias novidades

Diminuir texto  Texto normal  Aumentar texto 16.08.2013 | 14h08

RIO DE JANEIRO, 16.08.2013 – Em evento realizado no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro, nesta SEXTA-FEIRA (16.08), foi lançada a temporada 2013/2014 do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia, principal competição das areias no país. E ela chega repleta de novidades, com um novo formato de disputa, uma arena bem mais moderna e atrativa e uniformes que ressaltam ainda mais as cores do Brasil, frutos da parceria entre a Confederação Brasileira de Voleibol, Banco do Brasil, patrocinador oficial do vôlei brasileiro, e o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo.

Com o novo formato, o vôlei de praia agora terá quatro duplas campeãs brasileiras, sendo duas em cada naipe. O CBBVP passará a contar com nove etapas, de onde sairá o campeão. Ao final do Circuito, haverá um novo campeonato, o “Super Praia”, que definirá as duplas campeãs brasileiras. Jogarão este torneio, em cada naipe, os cinco primeiros do ranking nacional mais três duplas convidadas pela CBV. A primeira etapa do Circuito acontecerá em Recife (PE), no dia 29 de agosto. Até o fim deste ano serão realizadas mais quatro etapas, ficando as demais para 2014. A última delas, em Maceió (AL). O Super Praia, logo em seguida, será realizado nas areias de Salvador (BA).

Outra mudança promoverá uma disputa ainda mais acirrada entre as duplas. O CBBVP Nacional passa a ter uma pontuação maior, mas, em contrapartida, não mais classifica seu campeão e vice para disputar a etapa Open da semana seguinte. Pelo novo formato, ao fim de cada etapa do Open e do Nacional, um novo ranking único é formado. No masculino, os 12 primeiros colocados disputam automaticamente o próximo Open. Outras quatro duplas serão convidadas para a etapa, pela CBV. Já no feminino, nove duplas saem do ranking e três são convidadas.

A mudança na pontuação é significativa. A dupla campeã de uma etapa do Nacional, por exemplo, faz mais pontos (260) que o quinto colocado de uma etapa Open (240). A tendência é de que ao longo da temporada ocorram diversas trocas de posições entre as duplas.

“Essas mudanças chegam para dar ainda mais emoção a uma competição que se firmou no calendário esportivo brasileiro ao longo dos anos. São atrativos que deixarão o espetáculo ainda mais interessante para atletas, público, mídia, patrocinadores e parceiros. Queremos tornar o produto cada vez melhor”, diz Tadeu Saad, Superintendente de Vôlei de Praia da CBV.

Avelar Matias, gerente executivo do Banco do Brasil, patrocinador oficial do vôlei brasileiro, afirma que as novidades chegam para abrilhantar ainda mais o esporte.

“Para quem já gosta do nosso esporte e acompanha o vôlei de praia, serão vários atrativos, a começar pelo novo formato. Já são quase 23 anos de parceria entre a CBV e o Banco do Brasil no desenvolvimento da modalidade, que ganha uma nova cara. Tudo para que o Brasil continue com a hegemonia nas areias e que chegue aos Jogos Olímpicos de 2016 com ainda mais chances de conquistar novas medalhas”, avalia.

Os artistas do espetáculo também gostaram do que viram. Seis deles, inclusive, serviram como modelos para apresentar os novos uniformes: Emanuel, Ricardo, Evandro, Maria Elisa, Ágatha e Mari Paraíba. O campeão olímpico Ricardo afirma que a competição ganhará ainda mais importância e emoção. E que os atrativos são para todos, não só para os atletas.

“Criou-se um superevento, com muitas novidades. Terá um peso muito maior para os atletas, pois, no fim, no Super Praia, só estarão os melhores. O esporte precisa mesmo dessas mudanças, não só para o seu desenvolvimento como também para atrair ainda mais público e parceiros. Tudo tem que andar junto pelo bem do nosso vôlei de praia. Tenho certeza de que todos os envolvidos não veem a hora de o Circuito começar”, disse Ricardo.

Nova arena e novos uniformes caem no gosto dos atletas

Arena e uniformes do Circuito Banco do Brasil Vôlei de Praia foram renovados para a temporada 2013/2014 com uma novidade: o desenho de ambos ficou a cargo de alunos do Núcleo de Design do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. O processo começou em março deste ano, quando os professores envolvidos no projeto pediram aos alunos pranchas com conceitos, referências iconográficas e um brainstorming de ideias. Os estudantes que demonstraram maior criatividade e capacidade para solução do briefing foram selecionados para as duas equipes multidisciplinares de trabalho.

Um dos grupos ficou responsável pelo redesenho da arena e de sua área VIP. O outro, pelos uniformes de jogo, das comissões técnicas e de coletivas. As propostas foram analisadas por representantes da CBV, do Banco do Brasil e da Olympikus, que elegeram os vencedores. Todos os projetos desenvolvidos pelos alunos do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, coordenados pela professora Érika Benevides, levaram em consideração as três premissas do design: função, forma e beleza.

“A arena ficou linda, muito bem planejada. Além do conforto, o público poderá ficar à sombra também, em determinados momentos do dia, o que é essencial. Sem falar nas atrações ao redor dela, com as famílias podendo ficar mais tempo no evento”, comentou Maria Elisa.

A arena e a área VIP possuem como principal inspiração a brasilidade e a busca por uma linguagem contemporânea. Os alunos pensaram em cada detalhe do espaço, aproveitando bem todo o local e propiciando conforto, movimento e acessibilidade aos usuários.

Já o processo de criação dos uniformes foi feito a partir do entendimento do que eram os itens mais importantes para os atletas e profissionais: o conforto e a ergonomia. Além disso, a ideia foi deixar as peças jovens e modernas. Assim, após diversas pesquisas, os estudantes usaram detalhes como elementos de design de superfície e cores neon. Para todos os uniformes criou-se um padrão de estamparia e a utilização de última tecnologia em tecidos.

“O top ficou confortável, bonito, mais ajustado ao corpo, modela melhor. E o design vem de encontro à competição, com as cores do Brasil, que marcam o nosso campeonato nacional. Está tudo pronto para o início do espetáculo. Que ele comece logo”, declarou Ágatha, atual campeã do Circuito Banco do Brasil, ao lado de Bárbara Seixas.

O projeto foi coordenado pelo Studio Grid – laboratório de Criatividade e Inovação do Núcleo de Design, que tem, entre seus projetos internos, o "Des-Construir/Construir", cuja principal diretriz é o uso de materiais descartados em novos objetos, chamado de upcycling.

O CIRCUITO BANCO DO BRASIL 2013/2014:

2013
1ª etapa – Recife (PE) – 29 de agosto a 1º de setembro
2ª etapa – Vitória (ES) – 19 a 22 de setembro
3ª etapa – Rio de Janeiro (RJ) – 17 a 20 de outubro
4ª etapa – Guarujá (SP) – 14 a 17 de novembro
5ª etapa – Balneário Camboriú (SC) – 5 a 8 de dezembro

2014
6ª etapa – São Luís (MA)
7ª etapa – Natal (RN)
8ª etapa – João Pessoa (PB)
9ª etapa – Maceió (AL)

SUPER PRAIA
Salvador (BA)

GALERIA DE FOTOS:
http://www.cbv.com.br/v1/imprensa/abrir.asp?id=1772

Assessoria de Comunicação - CBV

Acompanhe mais notícias no Twitter oficial da CBV
Conheça também a página da CBV no Facebook

Imprimir essa matéria Enviar essa matéria



Últimas Notícias da CBV

Veja mais notícias da CBV

botão topo
botão voltar

APOIO GOVERNAMENTAL

PATROCINADORES

Home Institucional Seleção Brasileira Praia Quadra Superliga Arbitragem Imprensa Viva Vôlei Entretenimento Contato

©1998-2014 Confederação Brasileira de Voleibol
Todos os direitos reservados.
Site desenvolvido pela InfoMarket.